Deputados do PAICV: ” estamos preocupados com situação sócio- económica, mas acreditamos em São. Vicente”

11/05/2013 00:52 - Modificado em 11/05/2013 00:52

paicvOs deputados do PAICV eleitos pelo círculo de São Vicente mostram-se preocupados com a situação socioeconómica da ilha. Apesar do momento menos bom os deputados mostram-se confiantes que São Vicente possa melhorar a sua condição.

 

Para Hermes Santos, deputado do PAICV, “São Vicente precisa de investimento privado” para solucionar os problemas que enfrenta com destaque para o desemprego. “Estamos a apelar ao governo para que com a sua diplomacia económica tentar trazer investimentos privados, porque são esses investimentos que criam postos de trabalho”, explicou Hermes Santos.

As soluções propostas pelo PAICV passa pela união do Governo, da Câmara Municipal, e a Câmara de Comércio, como representante dos empresários, “se sentarem a mesa e discutirem abertamente a questão do desemprego que aflige a população de São Vicente”. Acrescenta Hermes que não se deve continuar a procurar culpados pela situação da ilha. Defende que persistir nesse caminho levará , “São Vicente a continuará na mesma”.

O PAICV quer ser parte da solução dos problemas da ilha. “Não estamos satisfeitos, estamos preocupados sim ,mas acreditamos em São Vicente”, finaliza Hermes.

  1. antónio dos santos

    S. Vicente não precisa srs deputados “de uma excepcionalidade positiva” como os senhores disseram na televisão. Precisa sim que se lhe liberte as sua energias positivas impedindo que os seus empresários e os investidores externos, façam em tempo útil os seus negócios sem delongas burocraticos. Condicionar como se tem condicionado o projecto Sea Food da Cova de Inglesa a estudos adicionais: emperrar o projecto Fateja, é bloquear Mindelo, assim como desventrar a Onave e não pagar aos lesados.

  2. Emigrante USA

    O governo tem que ter a coragem de dezer ao PAIS, aos JOVENS. aos desmpregadps em GERAL, que nao tem solucao para a situacao empregarial de Cabo Verde.
    Cabo Verde multiplicou sua polulacao nomeadamente S.Vicente, Santiago Sal e Boavista, onde as gentes das zonas rurais das outras ilhas vem procurar uma vida melhor, encontrando em troca uma vida ainda mais dificil do que estavam vivendo nas ilhas de origem. Coragem precisa-se e a solucao vai passar para um repatriamento as aldeias de origem..

  3. Julio Goto

    …senhores deputados do PAICV deviam dizer directamente quel eles tem cagado nos ultimos anos e limpado o rabo com a mesma merda.
    …senhores deputados deviam dizer ao povo mindelense que sao refens do Zemas e do Governo central.
    …senhores deputados do PAICV deviam dizer ao povo que as campanhas eleitorais tem sido baseados na mentira total.
    …senhores deputados do PAICV deviam dizer ao Povo que tem representado as cores do PAI em vez de representar a cor HOMOGENEA da ilha.
    Somos cegos.

  4. Osvaldo Dantas

    É uma autenica falácia procurar todas as culpas numa unica instituiçao. Então se a Camara nada pode fazer, para quê as eleições autarquicas. Para eleger gente sem poder nenhum, só para gastar o pouco que existe? Então pq na Campanha eleitoral esta Camara disse que vinha resolver os problemas; construir mundos e fundos; para depois se achar sem poder, sem competencias, sem influencias, sem dinheiro. Ao enganar o povo, enganou-se a si prorpio e agora quer viver de mão estendida?

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.