Calote aos árbitros: ARFSV paga parte da dívida e a bola volta a rolar nos campos de futebol

10/05/2013 00:30 - Modificado em 10/05/2013 00:30
| Comentários fechados em Calote aos árbitros: ARFSV paga parte da dívida e a bola volta a rolar nos campos de futebol

arbitroO NN apurou que a Associação Regional de Futebol de São Vicente pagou parte da dívida que tem para com os árbitros que prestaram serviço nos campeonatos que compõem a região desportiva. Com a resolução em parte do problema, isto é, a entrega de cerca de 140 mil escudos, os árbitros decidiram suspender o boicote e, neste fim-de-semana, a bola voltará a rolar nos campos de futebol.

No passado fim-de-semana, o Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol de São Vicente em conciliação com os árbitros, decidiu interromper os serviços prestados à Associação Regional de Futebol de São Vicente. Em causa estavam as dívidas que a ARFSV tem por saldar com os “homens do apito” e que ultrapassam os 200 mil escudos.

Neste sentido, houve uma paralisação dos jogos dos campeonatos de futebol de formação e do campeonato feminino. Isto porque os árbitros e assistentes não receberam o dinheiro relativo às prestações nalgumas jornadas dos Campeonatos da 1ª e 2ª, pela presença no Campeonato Feminino e nos escalões de formação.

Para resolver a situação, a ARFSV convocou uma reunião com o Conselho de Arbitragem e assumiu a responsabilidade de pagar as dívidas. Segundo o que apurámos a Associação Regional de Futebol de São Vicente disponibilizou 141 mil escudos, valor referente aos jogos da 1ª e 2ª divisão e, assim que possível, vai pagar os prémios do futebol feminino e dos escalões de formação.

De acordo com alguns árbitros contactados pelo NN “houve uma reunião e suspendemos a paralisação porque as crianças, os adolescentes e as mulheres que estão inseridos nos campeonatos não têm culpa desta situação. Mas o certo é que o assunto tem de ser resolvido e, quem de direito, tem de assumir as responsabilidades no pagamento dos prémios à arbitragem”.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.