PR dirige-se aos mindelenses: “Podem esperar por mim e, seguramente, vou estar convosco”

9/05/2013 03:27 - Modificado em 9/05/2013 03:27

OLYMPUS DIGITAL CAMERADe visita à ilha de São Vicente onde esteve em contacto com a população mindelense, sobretudo, coma juventude, o Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, inteirou-se sobre os desafios que esta camada enfrenta. As últimas estatísticas do INE que colocam a ilha com a maior taxa de desemprego do país levaram o Presidente a afirmar que “será necessário traçar medidas imediatas especificamente direccionadas para atenuar os problemas do desemprego”. Apesar de reconhecer a importância dos grandes investimentos, sente a necessidade de que algo precisa de ser feito a curto prazo para melhorar a situação da juventude mindelense.

 

Em relação às medidas de curto prazo, entende que “é necessário que o Governo e a Câmara Municipal, de forma articulada, encontrem consensos para medidas de curto prazo”. E a razão que induz para essa articulação do poder local e nacional para as medidas imediatas é explicada pelos jovens desempregados, os problemas sociais, de habitação e de sobrevivência “que não podem aguardar pela maturação dos grandes projectos”, cujos resultados se vêem a longo prazo. “Este momento exige a junção de esforços”, sintetizou o Presidente.

“Podem esperar por mim e, seguramente, vou estar convosco”. Com estas palavras reafirmou o compromisso de usar a sua posição para “mediar consensos e ajudar a criar um ambiente propício para o diálogo” na busca de soluções tanto para a ilha como para todo o Cabo Verde.

Desta forma, Jorge Carlos Fonseca terminou a sua visita de três dias à ilha de São Vicente onde manteve um contacto com a camada mais jovem penalizada pelo alto nível de desemprego.

  1. Noronha

    Bem que o Presidente da República podia mudar com toda sua trouxa para SVicente porque aqui na Praia pouca falta faz aos seus habitantes.

  2. Dor no Cotovelo

    Esse peixeiro/peixeira do PR nada pode fazer para reduzir/diminuir/acabar com o desemprego porque quem manda em Cabo Verde é o governo- PM José Maria Neves

  3. É bom que se aumenta a articulação entre as CM e o governo para que se melhore a qualidade de vida dos municipes…..

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.