Calote: Árbitros boicotam jogos para reivindicarem o pagamento de dívidas

6/05/2013 00:06 - Modificado em 6/05/2013 00:16


arbitros boicotamNeste fim-de-semana, o Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol de São Vicente em conciliação com os árbitros, decidiu interromper os serviços prestados à Associação Regional de Futebol de São Vicente. Em causa estão as dívidas que a ARFSV tem por saldar com os “homens do apito” e que ultrapassam os 200 mil escudos.

 

A época futebolística 2012/13, na ilha de São Vicente, fica marcada pela paralisação dos jogos dos campeonatos de futebol de formação e do campeonato feminino. Segundo o que apurámos, a Associação Regional de Futebol de São Vicente não está a honrar os compromissos que assumiu com os árbitros e assistentes.

Neste sentido, por unanimidade, os árbitros decidiram boicotar os jogos deste fim-de-semana nos campos da Bela Vista, Chã D´Alecrim e Bitim. É que os “homens do apito” não receberam o dinheiro relativo às prestações nalgumas jornadas dos Campeonatos da 1ª e 2ª, pela presença no Campeonato Feminino e nos escalões de formação.

De realçar que a final da Taça de São Vicente esteve para ser adiada porque os árbitros recusavam estar presentes no Estádio Adérito Sena para apitarem a final dessa prova. Mas, para evitar essa situação, a ARFSV convocou uma reunião com o Conselho de Arbitragem e assumiu a responsabilidade de pagar as dívidas nas próximas horas.

O certo é que a final da Taça de São Vicente acabou por ser realizada, mas nos outros campos a bola não rolou. E agora, os árbitros esperam que a ARFSV cumpra com a sua promessa porque, caso contrário, vão manter a decisão de paralisar os trabalhos.

  1. Carlos Silva - Ralão

    Se não receberam pelo serviço prestado, não é boicote, quem boicota é quem não paga. Mesmo assim não há boicote da ARFSV, entendo que seja por falta de verba, e ainda por cima a maioria das pessoas negam pagar 100 esc para contribuição, já que a maioria que vai a Fontinha são dirigentes, jogadores, treinadores, que sempre apresentam cartão, fica difícil arrecadar dinheiro para pagar bombeiros, polcias, etc.., todos pagos pelos contribuintes do estado, para além do salário, ainda recebem da ARFSV.

  2. Adepto incondicional

    É mesmo lamentavel a situação financeira da ARFSV, coitados dos arbitros ouvem tantas bocas maldosas no estadio e ainda é vitima de calot, é caso para dizer “quem catem cú cata bibé mel”, nó ta oiá gente na esse terra com muita sede de poder e querendo aparecer a todo custo, é isto que dá, os campeonatos de formação e feminino estão mesmos interessantes é uma pena colocar um fim aos mesmos, Sr. Presidente por favor faça o favor de dar a volta por cima, isto é uma vergonha ARFSV, sinceramente.

  3. Espero que no próximo sábado com o jogo Mindelense X Desportivo da Praia a contar para o campeonato Nacional, o preço dos bilhetes irão manter-se, visto que com menos custo a enchente do stádio será maior, pensem bem.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.