Cabo Verde na mira: O espião que estava em Lisboa

18/05/2012 00:18 - Modificado em 18/05/2012 00:47
| Comentários fechados em Cabo Verde na mira: O espião que estava em Lisboa

De acordo com o online Liberal agentes da secreta portuguesa estiveram a espiar diversas actividades económicas em Cabo Verde, nomeadamente: Telecomunicações, Media e Tecnologia (TMT), Serviços Financeiros, Energia, Infra-estruturas e Imobiliário”.

 

Ainda de acordo com fontes não identificadas pelo Liberal “O ministro do Governo de Passos Coelho referiu que não deu andamento a essas pressões do homem agora acusado de ter passado a uma empresa privada, a Ongoing, informações reservadas de carácter económico, chegando mesmo a solicitar a algumas “antenas” dos departamentos de África do SIED, quando já estava na Ongoing, informações sobre áreas de cooperação e de negócios sobre as antigas colónias portuguesas, nomeadamente, Angola, Moçambique e Cabo Verde.

O Liberal acrescenta que esses relatórios confidenciais do SIED sobre África – e, nomeadamente, sobre o nosso país – podem estar comprometidos, depois de Jorge Silva Carvalho ter sido acusado pelo Ministério Público de “violação do segredo de Estado, corrupção, abuso de poder e acesso ilegítimo agravado”, segundo consta do processo.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.