Escola de dança do sonho à realidade

10/04/2013 00:20 - Modificado em 10/04/2013 00:23

 

NoelisaNoelisa Santos, bailarina formada na Albeda Dans College, regressou ao Mindelo em 2009. Desde então, tenta realizar o seu sonho, abrir uma escola de dança em São Vicente. Noelisa correu atrás do sonho e conseguiu realizá-lo, abrirá a sua escola. Adianta que só está à espera de alguns materiais de dança e abrirá as portas aos mindelenses para ensinar o que sempre soube fazer na vida, dançar.

 

Noelisa estudou em Roterdão na escola Albeda Dans College durante quatro anos e após alguns anos de experiência, regressou a São Vicente e, desde então, tem-se deparado com imensas dificuldades para abrir uma escola de dança. Após apresentar o projecto na Câmara Municipal de São Vicente e no Ministério da Cultura, a bailarina não desistiu e conseguiu sem nenhuma ajuda governamental fazer a abertura da sua escola. Adianta que a dificuldade é maior, visto que as pessoas não consideram a dança como uma profissão e diz ao NN que “quando fui estudar dança na Holanda, muitos perguntavam o porquê e para quê”, mas garante que actualmente, o pensamento das pessoas está a evoluir, mas os tabus sobre a dança continuam.

 

A bailarina mindelense não se deixou levar pelos tabus e abraçou o seu sonho e realizou-o. Começou com um workshop, participação em eventos e conseguiu reunir alunos para aprenderem a arte que é a dança, na Escola Salesiana e, assim, já conta com alunos para a sua escola que ficará sediada no Madeiralzinho. Noelisa transmite aos seus alunos que a dança é árdua, mas não se deve desistir. Noelisa aconselha a começar pelo ballet que considera uma base para quem quer continuar na dança profissional, mas na sua escola ensina as modalidades como ballet, hip hop, contemporânea, latinas, africana e tradicionais.

 

 

 

Saiba mais  sobre Noelisa:

 

Noelisa Santos

 

28 Anos

 

Adora tudo o que é dança, mas a sua paixão é a dança contemporânea. “É a modalidade que consigo expressar, não tem regras, é livre, podemos fantasiar e levar tudo ao extremo”.

 

Dança desde o salto alto aos pés descalços.

 

Gosta do preto no figurino e garante que traz harmonia, vêm-se melhor as linhas do corpo.

 

Mia Michaels e Sonya Tayeh são as coreografas em quem se inspira e se identifica.

 

Projectos a realizar é o mês da dança que irá movimentar Mindelo. Com a realização de workshop nas escolas da cidade e nas zonas rurais

  1. Hoi parabens e muita forsa até que enfim ja bo consegui um lugar, agora é traboi.

    Bj.Gabs

  2. Angela Fonseca

    Parabens, muita força e coragem para continuar, estamos juntos. bjs.

  3. Dje Guebara

    Força criola de nha terra essos delincuentes que temos hoje em dia como governantes da nossa terra são uns brutos por não querer ajudar a uma cidadana realizar seus sonhos em a sua pròpia terra natal.Noelisa para triunfar tens que nadar contra a corrente dos mediocres que querem ver-te derrotada.Nunca das por vencida o caminho serà grande mais alcaçaras a meta final que è o teu sonho.

  4. Pires

    OI, boa iniciativa, tenho uma filha que adoraria aprender fazer ballet e a outra hip hop,
    Onde fica a sua escola, e se possivel qual o contacto.

    Sucessos

  5. atento

    Com visão darás bem com isso. Só não vai ensinar poracarias de funks, cuduros etc 🙂 heheh “sorry baby”, veja o projecto da música com algo complementar a educação e leva o seu projecto acompanhado com as escolas, jovens e crianças, sempre com a perspectiva de educa-las, chamar a comunicação social quando estiver preparada para a primeira turma pedagógica na músicca :), boa sorte.

    De um mACHO : ) hehehe

  6. Du

    Parabens Noelisa.Estamos perante uma jovem determinada.
    Vai em frente, pois, o terreno e bastante fertil.Os nossos jovens estiveram sempre abertos a essa Area. Abre esse dialogo a traves do corpo, porque iras receber retornos incriveis.
    Recebe um abraço de uma amante incondicional da Area das Danças

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.