Pagamento de caução garante liberdade

8/04/2013 00:18 - Modificado em 8/04/2013 00:18

MultibancoO cidadão cabo-verdiano, residente na Holanda detido na quarta-feira de tarde pela Polícia na posse de dez embrulhos com marijuana no cais do Porto Novo, Santo Antão ficou em liberdade, mediante pagamento de uma caução.

O Tribunal da Comarca de Porto Novo procedeu ao interrogatório do indivíduo de 54 anos detido em operação “relâmpago” da Polícia Nacional. O indivíduo foi detido à chegada do barco “Vicente”, da agência Tuninha, quando este vinha de São Vicente, e se preparava para sair do cais já dentro da sua viatura.

O homem estava na posse de embrulhos com marijuana, e presente a instâncias judiciais, o Juízo Crime impôs ao arguido a obrigação de pagar fiança. NN sabe que o sujeito pagou o valor da fiança estipulada pelo Tribunal.

Mas o certo é que este online tentou apurar o montante pago pelo emigrante, que agora está em liberdade, mas fomos informados que o processo está sob segredo de justiça, e que o caso foi entregue ao Ministério Público, para que as autoridades criminais possam realizar diligências para saber a proveniência e o destino que seria dado aos embrulhos com marijuana.

 

  1. olheiro

    sem comentarios

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.