Corpo de Intervenção garante segurança dos magistrados

15/05/2012 00:04 - Modificado em 14/05/2012 23:49
| Comentários fechados em Corpo de Intervenção garante segurança dos magistrados

O NN apurou que o Corpo de Intervenção está a fazer patrulhas diárias nos locais onde residem os magistrados da Comarca de São Vicente. As patrulhas iniciaram-se depois que a casa do Procurador Vital Moeda foi alvo de um assalto. Por agora os agentes da CI garantem a segurança dos magistrados e dos seus familiares pois parece que não existem motivos para solicitarem uma protecção especial.

O assalto à residência do procurador Vital Moeda trouxe de novo para a praça pública a discussão  sobre a segurança  dos magistrados. Já que para usufruírem de protecção especial é preciso fazer um requerimento ao superior hierárquico legitimando as circunstâncias desse pedido.

NN sabe o Corpo de Intervenção I incrementou o policiamento a pé como forma de proteger as residências dos magistrados e assim dissuadir os assaltantes. Por outro lado o Corpo de Intervenção depois da patrulha permanece por alguns minutos nos arredores dessas residências. Porém o NN apurou que até o momento, ainda não foi detido qualquer individuo no âmbito desse plano de segurança. Estas operações do Corpo de Intervenção vão continuar enquanto o Ministério da Justiça não assumir uma posição de forma a garantir uma protecção especial para os magistrados.

Quanto aos agentes do CI irão continuar com as patrulhas diárias como forma de evitar que indivíduos referenciados pela prática de delitos rondem a casa dos magistrados. Porque o objetivo das operações é trazer a estabilidade e segurança aos magistrados e seus familiares. Isto quando se sabe que na cidade do Mindelo já se registaram quatro casos de assaltos nas suas residências de magistrados.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.