Mais de 50 mortos em ataque contra tribunal no Afeganistão

3/04/2013 22:04 - Modificado em 3/04/2013 22:04
| Comentários fechados em Mais de 50 mortos em ataque contra tribunal no Afeganistão

GuerraDos 53 mortos, pelo menos 34 eram civis, que estavam no tribunal e em dois bancos nas proximidades.

Um ataque de militantes taliban contra um tribunal da província de Farah, no Afeganistão, fez 53 mortos, na sua maioria civis.

Um grupo de combatentes taliban, vestidos com as fardas do exército afegão, lançou um ataque para tentar libertar 15 prisioneiros que estavam a ser levados para o tribunal da capital da província, onde iriam ser julgados.

O ataque começou com a explosão de um veículo armadilhado, que atingiu a residência do governador da província e dois bancos. A maioria dos 34 civis terá morrido na sequência desta explosão e as restantes vítimas mortais – dez elementos das forças de segurança afegãs e nove combatentes taliban – resultaram da troca de tiros que se seguiu.

À hora em que o ataque foi lançado (por volta das 9h no Afeganistão), o tribunal e os bancos estavam “repletos de civis”, avança a BBC, citando uma fonte das forças de segurança afegãs.

O chefe da polícia da província de Farah, Afgha Noor Kemtoz, disse à agência Associated Press que pelo menos seis militantes taliban transportavam cintos com explosivos.

“Não há dúvidas de que o plano era libertar os prisioneiros, mas graças a Deus não conseguiram”, disse o responsável pela polícia.

Os combatentes taliban apresentaram uma versão diferente. Citado pela agência Reuters, o porta-voz Qari Yusuf Ahmadi disse que todos os prisioneiros foram libertados durante o ataque.

 

 

 

publico.pt

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.