Argo foi o grande vencedor dos Oscars 2013

25/02/2013 22:11 - Modificado em 25/02/2013 22:11
| Comentários fechados em Argo foi o grande vencedor dos Oscars 2013

Na categoria de melhor filme, a película de Ben Affleck levou a melhor sobre outros oito nomeados: Amor”, de Michael Haneke, “Lincoln”, “Django Libertado”, de Quentin Tarantino, “A vida de Pi”, “Os Miseráveis”, “00:30 Hora Negra”, de Kathryn Bigelow, “Guia para um final feliz” e “Bestas do sul selvagem”, de Benh Zeitlin.

“Argo”, realizado por Ben Affleck, a partir de uma história verídica do resgate de seis norte-americanos no Irão, em 1980, venceu o Oscar de Melhor Filme, Melhor Argumento Adaptado e Melhor Montagem. “A Vida de Pi” foi o filme mais premiado da noite.

“Argo” tem um rasto de mais de 40 prémios de cinema, somados ao longo das últimas semanas, incluindo o Globo de Ouro de melhor realizador, o Bafta de melhor filme, prémios da crítica, e o reconhecimento do sindicato dos atores.

Na noite mais longa de Holywood, arrecadou ainda as estatuetas para Melhor Argumento Adaptado e Melhor Montagem. No entanto, o maior número de Oscars foi para “A Vida de Pi”, de Ang Lee. O realizador nascido em Taiwan arrebatou o segundo Oscar da sua carreira como Melhor Realizador, a que se juntam os Oscars para Melhores Efeitos Visuais, Melhor Fotografia e Melhor Banda Sonora, da autoria de Mychael Danna.

O Oscar para Melhor Ator Principal foi para Daniel Day-Lewis pelo desempenho no filme “Lincoln”, de Steven Spielberg, enquanto a Jennifer Lawrence foi entregue a estatueta para Melhor Atriz Principal pelo papel na comédia dramática “Guia Para Um Final Feliz”.

Os prémios para melhor ator e atriz secundários foram, respetivamente, para Christoph Waltz, pelo seu papel em “Django Libertado”, e Anne Hathaway, pelo papel no musical “Os Miseráveis”.

Lista completa de vencedores

Melhor Filme: Argo

Melhor Realizador: Ang Lee, por A Vida de Pi

Melhor Ator: Daniel Day-Lewis, por Lincoln

Melhor Atriz: Jennifer Lawrence, por Guia Para Um Final Feliz

Melhor Ator Secundário: Christoph Waltz, por Django Libertado

Melhor Atriz Secundária: Anne Hathaway, por Os Miseráveis

Melhor Filme Estrangeiro: Amor (Áustria)

Melhor Filme de Animação: Brave – Indomável

Melhor Argumento Original: Django Libertado

Melhor Argumento Adaptado: Argo

Melhor Design de Produção: Lincoln

Melhor Fotografia: A Vida de Pi

Melhor Guarda-Roupa: Anna Karenina

Melhor Montagem: Argo

Melhor Caracterização: Os Miseráveis

Melhor Banda-sonora Original: A Vida de Pi (Mychael Danna)

Melhor Canção Original: Skyfall (Adele), 007 Skyfall

Melhor Edição de Som: Os Miseráveis

Melhores Efeitos Visuais: A Vida de Pi

Melhor Documentário (Longa-metragem): Searching for Sugar Man, de Malik Bendjelloul e Simon Chinn

Melhor Documentário (Curta-metragem): Inocente, de Sean Fine e Andrea Nix Fine

Melhor Curta-metragem de Animação: Paperman, de John Kahrs

Melhor Curta-metragem de Imagem Real: Curfew, de Shawn Christensen

 

 

 

 

Ler mais: http://visao.sapo.pt/argo-foi-o-grande-vencedor-dos-oscars

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.