Homem paga oito mil escudos por colocar pedras na estrada de acesso à Baía das Gatas

22/02/2013 00:41 - Modificado em 22/02/2013 00:41

Um indivíduo de 27 anos foi condenado a pagar uma multa de 8000 escudos pela prática de um crime de exposição de pessoas ao perigo. O cidadão foi detido na localidade de Lameirão, por ter colocado pedras na estrada que dá acesso à Baía das Gatas, como forma de obstruir o trânsito de viaturas.

A pena foi atenuada pelo juiz porque o arguido é primário e aparentava estar sob efeito de álcool quando participou nessa ocorrência que envolveu um grupo de indivíduos na localidade de Lameirão. Mas o tribunal determinou que se a multa e as custas do processo não forem pagas, o réu irá passar 53 dias na Cadeia Central de São Vicente.

Segundo o juiz, o jovem deve evitar essa conduta e controlar o consumo de bebidas alcoólicas para não colocar em perigo a vida e a integridade física das pessoas porque a sua acção podia provocar acidentes.

De realçar que o indivíduo foi capturado por moradores do Lameirão e detido pelo Corpo de Intervenção que, nas suas diligências, apurou que as várias pedras encontradas na via foram colocadas pelo arguido e por um grupo de cidadãos que se puseram em fuga quando os residentes se aperceberam da situação.

O Ministério Público sublinhou que a conduta do arguido constituiu uma infracção das leis do Código da Estrada e recordou que esta não é a primeira vez que as autoridades policiais registam casos de pedras colocadas na estrada de acesso à Baía das Gatas. Factos relatados por este online há alguns meses, deram conta que havia indivíduos a utilizar essa prática para assaltar condutores que passavam pelo local.

  1. Merkanu

    A nossa lei precisa urgentemente de ser melhorada, para evitar que criminosos continuem a beneficiar de atenuações da lei. O ato criminoso de colocar pedras no caminho, o qual pode resultar em acidentes graves com prejuizos financeiros e perdas humanas deve ser julgado severamente, em vez de ser atenuado. A embriaguez deve ser razão para reforçar a pena desse animal e não para atenuá-la. Sr. Juíz, 8.000$00 quase que não dá para comprar um farol de um carro, e muito menos custear uma ida a uma clínica privada. É por isso que gosto da justiça americana….quem prevarica é punido exempramente para que sirva de lição aos que eventualmente estavam a pensar fazer a mesma coisa. Resultado?!!! Diminuição dos crimes.

  2. Boise d' Soncente

    Ya pau na corpo na esse fdp….

  3. clat

    E a logica do dinheiro. Em CV quem tem carro tem dinheiro entao 10000$ para multa de estationamente, e 8000$ para assasino.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.