Ministério da Saúde pretende resolver atrasos no pagamento das horas extras

19/02/2013 23:56 - Modificado em 19/02/2013 23:56
| Comentários fechados em Ministério da Saúde pretende resolver atrasos no pagamento das horas extras

A ministra-adjunta e da Saúde, Cristina Fontes garante que o ministério que dirige está à procura de soluções para que não haja atrasos no pagamento das horas extras aos trabalhadores auxiliares do Hospital Baptista Sousa. Cristina Fontes sublinha que a nova administração do HBS vai fazer o possível para evitar os atrasos.

 

No mês de Dezembro, os trabalhadores auxiliares do Hospital Baptista Sousa reivindicaram o atraso no pagamento das horas extras e através do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública propuseram um modelo de pagamento do serviço de velas semelhante ao aplicado nos serviços prestados pelos médicos e enfermeiros: que o Ministério da Saúde pague esse suplemento juntamente com os salários.

Questionado sobre esta situação, a ministra-adjunta e da Saúde, Cristina Fontes afirmou que “estamos a tentar melhorar isso, mas são dois orçamentos diferentes, porque normalmente estamos a tentar atender a esta exigência. Podem não receber o suplemento juntamente com o salário, mas não deixam de recebe-la”.

Cristina Fontes assegura que os trabalhadores auxiliares do HBS irão continuar a receber as horas extras que têm direito, pelo que a administração dessa estrutura hospitalar vai fazer o possível para melhorar a situação, para que os trabalhadores recebam o dinheiro das velas de uma forma regularizada.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.