Scanner para smartphone com visão raio-x

6/05/2012 23:14 - Modificado em 6/05/2012 23:14
| Comentários fechados em Scanner para smartphone com visão raio-x

Uma aplicação que transformará os smartphones em aparelhos capazes de “ver” através de muros, madeira, plástico, papel e pele está a ser desenvolvida por investigadores da Universidade de Texas, Dallas.

A visão através de determinados tipos de material já é possível com a utilização de scanners digitais chamados de “terahertz scanners”.

O “terahertz” é uma banda no espectro electromagnético que fica entre as microondas e os infravermelhos, e é capaz de atravessar determinados tipos de material.

Actualmente, todos estes digitalizadores são ou muito grandes ou muito caros. A segurança nos aeroportos, por exemplo, é feita com estes aparelhos. As câmaras de “terahertz” permitem, neste caso, ver dentro das malas ou debaixo da roupa para detectar objectos perigosos, por exemplo.

Uma equipa de cientistas da Universidade de Texas, em Dallas, está agora a desenvolver um modo de usufruir das potencialidades da banda de “terahertz” do espectro electromagnético, num micro chip, o Complementary Metal-Oxide Semicondutor (CMOS).

Uma vez que as potencialidades do CMOS podem pôr em causa questões de privacidade, os investigadores centraram a funcionalidade do aparelho num raio de menos de 10 centímetros.

O objectivo da pesquisa é criar uma aplicação que possa detectar falsificações de documentos e notas ou diagnosticar rapidamente problemas de saúde, como cancros.

No caso da saúde, os CMOS de “terahertz” funcionariam tão bem quanto os exames através de raios x, mas de uma forma mais segura, não destrutiva e não invasiva.

Além das câmaras de “terahertz”, a nova tecnologia permitirá tornar os scanners médicos mais seguros e baratos, reduzir os custos de sistemas de segurança e desenvolver aplicações de aparelhos móveis de comunicação.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.