Estádio Adérito Sena vai ser modificado para poder receber jogos da Selecção Nacional

7/02/2013 00:22 - Modificado em 7/02/2013 01:16

Em declarações a Revista Soncent, o vereador Humberto Lélis, revela que a CMSV está a trabalhar na deslocalização do Estádio Adérito Sena. Diz que “ o grande projecto que a CMSV tem para o próximo mandato é uma intervenção de fundo no estádio Adérito Sena de modo que este possa receber jogos da FIFA “.

 

O que implica modificar a configuração do campo, que no momento é Este/Oeste para Norte/Sul. Assim fica posta de lado a possibilidade de deslocalizar o estádio para outra zona da ilha. NN sabe que o projecto já está pronto e que CMSV está à procura de financiamento para obra que poderá ascender a um milhão de contos na versão mais cara que inclui um centro comercial. Existe um outro orçamento de 600 mil contos e parece que é com este cenário que a CMSV está a trabalhar.

No projecto o campo será deslocalizado para o sentido Norte/Sul o que irá libertar terrenos na Av.12 de Setembro, junto da COPA, que vendidos poderão financiar a construção do campo. Para o vereador Humberto Lélis é um projecto que temos em mente “há essa vontade partilhada entre a edilidade, a Associação Regional de Futebol e os munícipes para que o campo seja modificado e possa receber jogos da nossa selecção. Mas será preciso uma concertação com a FCF. Vamos insistir, porém, teremos que criar as condições ideais”.

 

 

  1. Observador

    A opção de centro comercial, é a melhor penso que interessados a de aparecer como o Grupo Calu& Angela por exemplo. Pois assim resolvia a questão estádio o problema falta de cinema, lojas e supermercados, tendo em conta a localização é a opção ideial ideial o retorno do investimento fica assegurado. Penso que deverão procurar interessados em investir nest projecto noutras ilhas. È uma grande negócio.

  2. Luís Fonseca

    Os montantes provenientes de alugar de espaços comerciais resolve ou resolverá em parte as obrigações provenientes de finaciamentos do mesmo projecto, tornando-o sustentável.

  3. coisa doida

    Sim um projeto muito merecido pelos são-vicentinos. Mas tendo em conta os terrenos libertados pelo mesmo deve ser aproveitados para o desporto de forma a criar espaços para treinos etc de modo a não sobrecarregar o relvado sintético q ficaria somente para efetuar os jogos regionais nacionais e internacionais.o projeto onde inclui espaço comercial seria muito benéfico em termos financeiros em diversas ordens.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.