ASA espera que a crise não afecte o aumento de tráfego de passageiros para 2013

31/01/2013 00:31 - Modificado em 31/01/2013 00:31
| Comentários fechados em ASA espera que a crise não afecte o aumento de tráfego de passageiros para 2013

A crise económica que afecta os países no estrangeiro onde residem cidadãos cabo-verdianos foi um dos factores que determinou a diminuição de entrada de cabo-verdianos nos aeroportos de Cabo Verde no ano de 2012. Neste sentido, a ASA, empresa que controla o tráfego de passageiros nos aeroportos nacionais espera reverter essa situação, mas de olhos postos no inimigo que é a crise mundial.

O relatório da ASA acerca do número de passageiros que deu entrada nos aeroportos em funcionamento no país revelou que em comparação com os dados de 2011 e 2012 o nível de movimento de cidadãos cabo-verdianos registou uma diminuição de 53.000 passageiros. Para a empresa, esse decréscimo teve a ver com o impacto que a crise teve nos países de emigração.

Para 2013, a empresa de Aeroportos e Segurança Aérea pretende manter o padrão de um milhão de passageiros a nível global. Segundo o gabinete de Comunicação da empresa, as programações estão a mostrar que vai haver um aumento do número de entradas de passageiros nos diversos aeroportos de Cabo Verde.

Janine Cabral, da área de Comunicação da ASA assegura que “a programação de Inverno que apanha os últimos meses de 2012 e que vai até Março de 2013 mostra que vamos ter um aumento significativo em termos de operadoras internacionais, sobretudo os low cost. Esperamos que isso tenha um efeito positivo e que essa tendência se mantenha até finais de 2013. E esperamos que a crise não venha atropelar, nem afectar o aumento de tráfego para este ano”.

 

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2018: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.