Os marginais são os únicos que estão contra os “Ninjas”

3/05/2012 07:39 - Modificado em 3/05/2012 07:39

Os “Ninjas” completaram um ano em actividades e O NN acompanhou-os numa operação policial na ilha de São Vicente. Nesta operação os “ninjas” centraram a sua actuação na praia da Laginha, local onde decorriam duas actividades de cariz cultural. Mas por outro lado, os “ninjas” fizeram patrulhas nos bairros para garantir a segurança dos moradores e transeuntes. Uma coisa é certa: os marginais são os únicos que rogam pragas aos “ Ninjas”.

A presença regular do núcleo da PN nos bairros fez diminuir o número de assaltos na via pública. Por outro lado já não há ocorrências de conflitos entre gangs, nem violência gratuita nas ruas de Mindelo.

O NN constatou que há uma nova realidade em São Vicente no que toca a paz e segurança na via pública. Um cenário diferente daquele que os cidadãos viviam há mais de um ano, com registos de caçubodis todos os dias, guerras de gangs aos fins-de-semana. Hoje os sãovicentinos circulam a qualquer hora da noite, e em qualquer ponto da ilha com sentimento de que São Vicente está seguro.

Eficácia

Os “ninjas” demostraram ser um núcleo capaz de enfrentar qualquer situação, pois actuam de forma táctica e rápida. A eficácia do seu trabalho ficou provada nalgumas solicitações por parte do Comando da PN para resolver problemas em algumas áreas da ilha. Os “ninjas” fizeram incursões na área da Laginha, e Bela Vista com a finalidade de interceptar indivíduos que provocaram distúrbios nesses locais.

O colectivo deslocou-se em sentido de emergência para averiguar os factos. O NN acompanhou uma parte do núcleo que fez a detenção de cinco indivíduos na Laginha e sete jovens nas imediações do PMI da Bela Vista. Para além dessas detenções, o embrião da BAC deteve três elementos do gang RB, da Ribeirinha que haviam provocado distúrbios nessa zona. O núcleo da PN totalizou 16 detenções para identificação e abordou 112 pessoas, por suspeitas de práticas ilícitas.

Laginha

A operação dos “ninjas”no último fim-de-semana percorreu todos os bairros da ilha com a finalidade de manter a ordem nesses locais. Por outro lado, o núcleo incidiu o seu trabalho na praia da Laginha devido ao fluxo de pessoas que dirigiram-se para duas actividades nessas áreas. As instalações da FIC recebeu um evento de dança, já a Discoteca Caravela montou uma tenda na praia da Laginha.

Os “ninjas” fizeram patrulhas no interior dos dois espaços para garantir a segurança dos ocupantes e no final das actividades auxiliaram os agentes da PN na desocupação das pessoas. De realçar que na praia da Laginha foram abordados 76 pessoas, dos quais cinco foram detidos para identificação, por suspeitas de práticas ilícitas.

Esforços

.

Os “ninjas” não poupam esforços para interceptar os marginais, por isso todos os dias percorrem os bairros de São Vicente. Pois afirmam que vieram para mudar o panorama da criminalidade nesta ilha e que não irão dar tréguas aos indivíduos que infrinjam a lei.

Mas também prestam apoio aos cidadãos em caso de urgência, como aconteceu com um individuo epiléptico que foi conduzido ao Hospital Baptista Sousa. Por outro lado em algumas ocasiões os olhares dos “ninjas” centram-se no consumo de bebidas alcoólicas por parte de menores. Na praia da Laginha e em alguns bairros, o embrião da BAC confiscou bebidas alcoólicas que estavam na posse de adolescentes. Para além da sensibilização sobre os efeitos negativos do álcool, os “ninjas” atiraram essas bebidas ao lixo.

Conclusão

Em suma o NN constatou que as operações do “ninjas” têm surtido efeitos em relação a delinquência juvenil e caçubodis. Porque passamos pelas áreas referenciadas como perigosas, mas não encontramos nem sinas de delinquentes e isso leva a crer que a nova forma de combate a criminalidade em São Vicente está a resultar. Pois os “ninjas” aparecem e desaparecem em fracções de segundos nas suas rondas pelos bairros. Ou não fossem…Ninjas.

 

  1. ATENTO

    Não se preocupem NINJAS, quase 80 mil pessoas estão do vosso lado, FORÇA NINJAS… É uma pena o abandono dos menores pelos pais e encarregados de educação, como é possível deixar que um menor de 18 anos permaneça na rua depois da meia noite??? E pior ainda, sabendo do consumo de alcool e drogas desenfreado??? É isso aí Ninjas, continuem com este excelente trabalho, se têm de retirar a bebida aos menores, que seja…, Se as familias não se preocupem com os seus menores, autoridades sim…

  2. Mindelense

    É notório o trabalho destes bravos, e estão de parabéns… Infelizmente o crime está sempre em mudança, agora os alvos são os menores e jovens passadores de drogas que estão sendo aliciados pelos fornecedores, que na maioria são “mandjacos”. Não é difícil de localizar e identificar estes jovens nos respetivos bairros de origem, e não me digam que é difícil sacar informação de um menor ou destes jovens!!!!! É preciso um trabalho de infiltração nos grupos e/ou nos respetivos bairros.

  3. SOCRATES

    1.ª jornada do campeonato nacional sábado as 16 horas MINDELENSE x PAULENSE

  4. Maria

    os marinais querem tomar conta dessa terra, por isso é pau neles sem trevuas o na cadeia a fazer os trabalhos sociais.

  5. PORTUGUES

    FORÇA NINJAS. ARRUMEM COM A CORJA E NAO DEIXEM QUE CABO VERDE FIQUE COMO PORTUGAL NA MAO DE BANDIDAGEM

  6. varelaz

    vivas aos ditos ninjas,apenas peço que saibam bem separar o trigo do joio,vivas aos ninjas

  7. Cristiano Vaz

    A SOLUÇAO NAO ESTA EM MAIS MEDIDAS REPRESIVAS, MAS NA GERAÇAO DE OPORTUNIDADES, COM ESTAS MEDIDAS QUE TIPO DE PESSOAS ESTAMOS A FORMAR?
    A delinquência juvenil é considerada um dos fenómenos sociais mais preocupantes. Considera-se, por isso, que a “elaboração de uma estratégia comum de luta contra a delinquência juvenil devia ser um objectivo alvo de maior atenção no seio do povo caboverdiano, não só porque afecta uma parte especial/sensível da população, mas também porque, ao fazê-lo, se está a prevenir a delinquência adulta no futuro
    O que Fazer? Precisamos penetrar no seio do ambiente desses adolescentes e jovens, fazer com que não se marginalize totalmente e que consiga recuperar seu papel na sociedade. Criar projectos que aumenta a auto-estima dos jovens tornando mais fácil para eles recusar actos violentos e isso teria um repressão, substituindo-a pela da prevenção.
    Imagine uma delegacia juvenil onde, no lugar de isolamento e intimidação, existam diálogo e respeito. Um espaço em que não haja celas, mas sim salas de reflexão, e no qual o policial esteja capacitado para oferecer um tratamento digno a jovens em conflito com a lei.

  8. Boysdsoncente

    Quem esta contra os Ninjas sao os Marginais e os Advogados, porque com os Ninjas sempre existe provas para manter esses marginais atraz das grades, e sendo assim nao tem trabalho para os advogados de porta de cadeia…Muito OBRIGADO NINJAS por tudo que tem feito pela nossa ilha tao querida. Continuem com esse brilhante trabalho que tem feito ate aqui, que se lixa quem esta contra….A populacao que merece esta com voces.

  9. Eduardo da Luz Brito

    ISTO MESMO DOA QUEM DOER, AS LEIS SAO PARA CUMPRIR, UMA ILHA K ERA TAO PACATA, ANDAVA A QUALQUER HORA DE MADRUGADA A PE E NUNCA ME ACONTECEU NADA PELAS RUAS DA PACATA CIDADE DO MINDELO, PK AGORA MEIA DUZIA DE DELINQUENTES HAVIAM DE A ESTRAGAR? E A NOSSA APOSTA NO TURISMO? QUEM VIRIA A S. VICENTE SABENDO K A DELINQUENCIA PAIRAVA NO AR? EU ANDEI TODA A MINHA VIDA EM S V. NUNCA ANDEI COM UMA NAVALHA, SEQUER, SABE PK? O MAL ATRAI O MAL. PARABENS NINJAS, ESPERO K NAO ACABEM COM ESSE TRABALHO.

  10. Igor Ferreira

    excelente trabalho esse que os ninjas tem feito, na Praia estamos precisando do mesmo, continuem assim

  11. Arlinda G. Leite

    PARABNES AO BOM TRABALHO A NOSSA ILHA MERECEDORA.FELIZ DE SABER Q A NOSSA ILHA TEM ESPERANCA DE TORNAR A SER A BELEZA Q SEMPRE FOI,VIVA MINDELO VIVA O CIVISMO VIVA O POVO MINDELENSE UM GR VIVA AQUELES Q NAO MEDIRAO ESFORCOS DE RECUPERAR A TRANQUILIDADE DA NOSSA ILHA AMADA……BOM TRABALHO SENHORES DE MUITA CORAGEM

  12. Sheila Carvalho

    Parabens e muito obrigada aos NINJAS (com letra maiuscula)
    Se eu pudesse pagar-lhe eu pagava-lhe e bem pago. espero que o governo reconhece o trabalhos desses jovens (NINJA) ou BAC para quem os ama e quem gosta deles porque graças a eles estamos tranquilos em S.Vicente. Ainda há quem nao gosta deles mas estamos lixando naqueles que nao gostam deles.
    Eu pessoalmente gosto!! e há outros tb que gostam.
    Continuem com o vosso trabalho.
    Força !!

  13. Sueli

    Sou uma Sãovicentina, residente na cidade da Praia e fiquei muito impressionada com o trabalhos desses profissionais. É de louvar os esfoços que têm feito para manter a paz, a segurança e a ordem nessa nossa cidade tão querida.

  14. Alle

    Viva BAC!!!! Quem k t amá Soncent ta amá bzot! Obrigadaaaaaaaaa!!!! Bzot continuá!

  15. Néné Malagueta

    Ninguém contesta que para combater a criminalidade seja ela juvenil ou outra, há que montar estratégias de longo prazo e do âmbito social que devem ser implementadas. Quando a lei e a ordem são postas em causa, tem que funcionar a repressão.E aí temos os NINJAS em Mindelo a fazer um bom trabalho que acolhe o aplauso da população, no qual eu me associo com uma sensação de alívo e devida vénia. Os meliantes não gostam e rogam pragas. Eu digo: praga de burr ca ta tchgá na cêu.

  16. QUE DEUS VOS ABENÇOE que vos tornem cada veis mais homens Ilustres pelas vossas compitente trabalho, como no capital e nas outros Ilhas porque estão sempre atentos e estão a fazer os trabalhos gigante e sempre que é solicitada apresentam como homens capacitados e praparados e com grande sabedoria para prestarem os vossos grandioso trabalos e o que mais vos admiro nos vossos trabalho quando uma pessoa encontra desesperado vos solicita sabeis sempre responder com toda calma com excelente tranquid

  17. Anónimo

    Sou de S.Antão e vivo à 4 anos em S.Vicente, e hoje vemos que há uma grande mudança nesta ilha.Um árduo e grande trabalho feito pelos ninjas mudaram complectamente a realidade sãovicentina.Temos todos de leventar as mãos e agradecer este grande trabalho feito pelos ninjas.Hoje ando pelas ruas um pouco mais tranquilo.Continuem assim ninjas, rápidos e eficazes.

  18. CIDADÃO PREOCUPADO

    MEUS PARABÉNS AOS “NINJAS” PELO TRABALHO QUE TEM FEITO EM SÃO VICENTE.
    FORÇA “NINJAS”!

  19. Luis Lopes Rodrigues

    Yá. Força rapazes. Sãocent inteiro e tud quem te gostá dpaz te ma bsot.

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.