“ Tem que haver dinheiro para São Vicente executar os seus projectos “

3/05/2012 07:21 - Modificado em 3/05/2012 07:21

O presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Augusto Neves, fez a  apresentação Publica  do Plano Detalhado Municipal, Plano que tem merecido críticas tendo em conta os recursos financeiros que serão precisos para executa-lo.

Mas, o Presidente  da CMSV diz que se existe dinheiro para  se fazer infraestruturas em “outros lugares” também tem que haver dinheiro para a ilha de São Vicente executar os seus grandes projectos.

Este PDM que já foi aprovado pela Assembleia Municipal, o que significa tem que ser seguido pelo executivo municipal, prevê a deslocalização de diversas infraestruturas, como a ENAPOR, o futuro porto de águas profundas, as petrolíferas entre outas. E neste ponto que surgem as criticas relacionadas com o custo de “tamanha operação”.

Augusto Neves defende-se “ não é um plano para ser implementado já. Tem um horizonte de 30 anos “ Por isso considera que o plano é exequível e “ traz uma melhoria significativa da qualidade de vida de São Vicente que conquistam uma cidade onde podem viver com qualidade de vida”

  1. SOCRATES

    Este é o jornalismo que temos! Reduz tudo simplifica tudo quetiona pouco o que interessa é a polémica a frase feita o efeito imediato parece um comentário do facebook. Vá lá que teve o bom senso de não assinar.E assim mantemos todos o anonimato e felizes como sempre! Cada um segue a sua vidinha!

  2. Lino Oliveira

    Um ta pudè construì tud ma camara tem de ter dinher pa pagàme!!!

Os comentários estão fechados.

Publicidades
© 2012 - 2017: Notícias do Norte | Todos os direitos reservados.